16/06/2018 - 16:00
Estratégias de Marketing

Qual é o conteúdo certo para cada uma das etapas do funil de vendas?

Produzir o tipo de conteúdo certo para as várias etapas do funil de vendas é essencial para impactar de forma eficaz as personas da sua campanha. Errar nesse quesito vai tornar mais difícil o processo de atração do público, prejudicando os seus resultados nos passos seguintes.

O funil de vendas é um recurso bastante valioso para planejar o seu conteúdo e garantir que tudo consiga atrair os perfis certos e levá-los para mais perto dos seus produtos. Possibilita que você lembre das expectativas das personas e tenha o melhor material para oferecer a elas.

Em geral, é no topo de funil que devem ficar as abordagens mais abrangentes. Afinal, o objetivo é atrair o máximo de público. No meio, você tem que começar a investir em conteúdo mais especializado para satisfazer quem quer se aprofundar. O intuito de tudo é levar a persona até o fundo de funil, onde a sua solução é apresentada de maneira aberta e detalhada.

Confira a seguir qual é o conteúdo certo para cada uma das etapas do funil de vendas:

Topo de funil

Materiais mais indicados: blog posts, posts em redes sociais e infográficos.

É no topo de funil que a persona tem o primeiro contato com a marca, então é preciso se lembrar de que ela pode ainda não estar interessada no seu produto. Ela nem sabe que está passando por um problema que a sua solução pode resolver.

Distribuir conteúdo por meio das redes sociais e de um blog corporativo é o melhor caminho para atrair visitantes para o seu funil de vendas. O topo é uma das etapas do funil de vendas em que você deve focar em volume — tanto de publicações, quanto de público.

Meio de funil

Materiais mais indicados: e-books, webinars e páginas de conversão.

No meio de funil, a sua persona já está aprendendo que possui um problema e está disposta a conhecer caminhos para solucioná-lo. É uma das etapas do funil de vendas em que você tem que oferecer um conteúdo com aprofundamento maior, focado em ações práticas.

Para isso, é recomendado usar formatos que permitam mais desenvolvimento de texto, como e-books e whitepapers. Além disso, você pode começar a usar páginas de conversão para captar dados desses leads e impactá-los com um material ainda mais estratégico depois.

Fundo de funil

Materiais mais indicados: páginas do seu produto, cases de sucesso e pesquisas de mercado.

Depois de nutrir a sua persona com conteúdo de qualidade que satisfaz às necessidades dela e de conduzi-la até o fundo de funil, chega o momento de apresentar o seu produto.

Das etapas do funil de vendas, essa é a única onde você deve falar abertamente da sua solução e elencar as suas vantagens. Afinal, o público está disposto a contar com um produto eficaz e tem o perfil necessário para se tornar seu cliente.

Agora que você já conhece os melhores tipos de conteúdo para utilizar em cada uma das etapas do funil de vendas, já pode começar a planejar a sua estratégia.

Lembre-se da importância de considerar o perfil do seu público e quais materiais seriam atrativos para essas pessoas. Além disso, é essencial que você acompanhe os seus resultados em tempo real para detectar oportunidades de melhorias e correções.

Aprenda mais sobre como tornar a atuação da sua marca na internet mais estratégica. Veja no blog qual é a importância de estruturar a presença online da sua marca.


Nome completo

E-mail

Digite sua mensagem aqui